quinta-feira, 7 de janeiro de 2010

A Bíblia não erra (2 - 4)

A Bíblia não erra - Parte I


2. GÊNEROS LITERÁRIOS

Há ainda um outro fator que devemos levar em conta: o gênero literário, isto é, o tipo de com posição que temos diante de nós. Isso vai determinar o sentido e o alcance que lhe podemos dar.

Se você ouve alguém contar uma história para crianças, uma dessas histórias em que os animais falam, aparecem fadas e bruxas, você não vai entender essa história do mesmo modo como entende as palavras de alguém que lhe está contando um fato real. Há muita diferença entre uma poesia, ou a letra de uma canção, e um trecho de um livro de ciências. Uma carta é bem diferente de uma reportagem ou uma notícia no jornal. Um discurso político não é a mesma coisa que um sermão. Aí estão exemplos de alguns "gêneros literários".

A poesia, a anedota, a narrativa histórica, cada gênero literário afinal tem suas regras próprias de composição. Tem a sua linguagem própria, suas palavras apropriadas, seu estilo. Escrevemos ou falamos de um jeito quando queremos ensinar; de outro, quando queremos divertir, ou agradar, ou informar, ou amedrontar, e assim por diante.

E mais. Cada "gênero literário" olha para a realidade de um lado diferente. Alguns, querem apresentar um fato real, enquanto outros falam de fatos imaginários. Alguns podem aprofundar o assunto até aos mínimos detalhes, outros ficam só em generalidades. E podemos ainda notar que essas formas de expressao variam conforme o povo, o tempo e o lugar.

Também na Bíblia podemos encontrar muitos gêneros literários bem característicos. Há narrativas, históricas ou não, há poesia, parábola, alegoria, profecia. apocalipse. E temos que levar isso em conta ou, então, vamos interpretar mal o que foi escrito. O que lemos no Apocalipse ou nos Profetas não pode ser compreendido do mesmo modo como se estivéssemos lendo os Evangelhos. Vamos entender mal as Epístolas de S. Paulo se esquecermos que são cartas, escritas em circunstâncias bem concretas. Precisamos conhecer e levar em conta as regras próprias de cada gênero literário para não lermos o que não foi pensado nem escrito pelos autores da Bíblia.


(continua...)

Um comentário:

Anônimo disse...

Oi td bme com vc /È muito importante agente ler a biblia..bjsssss!!!!!!!!!1