quinta-feira, 4 de junho de 2009

Novo Superior dos jesuitas do Sul da Ásia que impulsionar novas missões

Artigo original (em ingles): Union of Catholic Asian News

Traduzido por Gabriel Leitão


Nova Delhi (UCAN) -- O novo superior dos jesuítas na Ásia do Sul afirma que incentivará a Companhia de Jesus para encontrar novas áreas de trabalho assim como revigorar os serviços tradicionais.

P. Edward Mudavassery assumiu como Provicial da Ásia do Sul em 31 de maio em uma cerimônia em Nova Delhi assistida por aproximadamente 60 pessoas, incluindo o Arcebispo Vincent Concessao, de Delhi e o Bispo-auxiliar Franco Mulakkal.

O prepósito geral dos jesuítas P. Adolfo Nicolas indicou P. Mudavassery como provicial no dia 20 de Janeiro para suceder P. Hector D'Souza, que ocupou esta função durante os últimos cinco anos. P. Mudavassery era reitor da Faculdade Jesuíta de Teologia em Delhi na época da indicação.

Com mais de 4.000 membros, a Ásia do Sul possui o maior número de jesuítas no mundo. Eles trabalham em 18 províncias e duas regiões que estão agrupadas na Conferência dos Jesuítas da Ásia do Sul. O provincial supervisiona as casas de formação dos Jesuítas e as instituições de serviço social no país.

P. Mudav afirmou que seguiria as recomendações que surgiram na 35ª Congregação Geral dos Jesuítas, encontro que ocorreu em Roma ano passado. Ele exortou os membros a esforçar-se nas novas fronteiras de missão enquanto revisa os serviços tradicionais.

O novo provincial salientou que a Ásia, de modo especial a Ásia do Sul, enfrenta vários tipos de conflitos e os jesuitas tem que procurar novas formas de promover o diálogo e a reconciliação. Ele afirmou ainda que os jesuítas precisam adaptar-se para ajudar as pessoas mais pobres e deu como exemplo as instituições de ensino jesuítas que deveriam fomentar a formação de bons cidadãos visto que são centro de excelência acadêmica.

P. Mudavassery também recordou o discurso do PP. Bento XVI aos delegados da Congregação Geral sobre a necessidade de abordar os problemas morais e éticos face às rápidas mudanças do mundo moderno e encontrar novos caminhos para pregar o Evangelho.

P. D'Souza saudou seu sucessor como um homem de coragem e visão que conduziu anteriormente os Jesuítas da Província de Hazaribag, no estado de Jharkhand (leste da Índia)

Ele recordou como o P. Mudassery inspirou companheiros jesuítas em 1997 depois que o corpo decapitado do padre jesuita A. T. Thomas foi encontrado em uma floresta. O serviço do padre junto aos pobres, dalits desabrigados derrubou alguns proprietários de terra que vinham oprimindo a antiga casta dos "intocáveis" por décadas.

P. D'Souza afirmou que P. Mudavassery tem encorajado a Companhia de Jesus a continuar a luta pelos direitos do pobre, tal como seus companheiros assassinados fizeram. P. D'Souza disse ainda que a experiência de seu sucessor em espiritualidade e aconselhamento o ajudará mapear novos territórios para os jesuítas na Ásia do Sul.

Nenhum comentário: